6 dicas de como economizar durante uma viagem

Viajar para fora do país pode ser um sonho, mas também pode tornar-se um grande pesadelo. Isso porque esse é o momento em que você se permite adquirir experiências que não costumam fazer parte da sua rotina, mesmo quando se trata de destinos baratos.

Você certamente irá conhecer praias famosas, talvez pretenda conhecer as boates e os restaurantes mais caros do mundo e não vai querer nem pensar em cozinhar ou andar de ônibus.

Mas, caso queira economizar durante uma viagem, segue, abaixo, uma lista com algumas dicas bastante úteis para atingir esse objetivo. Dicas que, em sua maioria, dizem respeito apenas à disposição em abrir mão de um certo conforto durante essa experiência.

1. Escolha atrações gratuitas


Muitos se dizem surpresos com a quantidade de atrações gratuitas que dão um verdadeiro banho naqueles eventos considerados obrigatórios durante uma viagem.

Imagine conhecer a lendária Catedral de Notre Dame em Paris, todos os museus de Barcelona (aos domingos), conhecer a Estátua da Liberdade nos Estados Unidos em uma balsa, entre diversas atrações semelhantes sem gastar um só centavo?

Pois bem, essas são apenas algumas das possibilidades, entre inúmeras outras, que só dependem de um pouquinho de boa vontade e capricho na hora de pesquisar.




2. Dê preferência aos trens, bikes e metrôs

Essa dica aqui é um clássico! Dar preferência aos trens, metrôs e principalmente às bikes faz parte dos “10 mandamentos” para quem quer que deseje economizar com transporte durante uma viagem.

Isso sem contar a facilidade de conhecer regiões que são interditadas aos carros, e que somente por meio de bicicletas é possível visitar.




3. Experimente os hostels e as pousadas

Se o uso dos meios de transportes citados acima é capaz de aliviar o bolso de forma incomparável durante uma viagem, a escolha do tipo de hospedagem também não fica atrás quando a intenção é economizar.

Os hostels, por exemplo, podem ser encontrados por preços inacreditavelmente mais baixos que os hotéis, com valores entre 5 e 25 dólares por noite, e ainda com vantagens como a do cupom de desconto Airbnb.


4. Planeje tudo antes de sair de casa

Aqui estamos falando em minimizar os imprevistos, colocar no papel todos os gastos que terá, optar por conhecer poucos lugares (e com mais profundidade), levar pouca bagagem, ter todo o roteiro bem definido e não esquecer do seguro viagem.

E para todos esses casos até existem aplicativos que fazem com que a experiência de uma viagem torne-se bem mais prática e racional.


5. Conheça bem os locais que irá visitar

Uma dica praticamente certeira para quem deseja economizar numa viagem é conhecer com certa profundidade as cidades (ou países) que pretende visitar.

Dessa forma você saberá, por exemplo, como livrar-se dos vendedores de bugigangas que costumam assediar os turistas, não comprará “gato por lebre”, pagará sempre o preço justo pelas coisas, saberá onde estão os supermercados e demais estabelecimentos mais populares, entre outras inúmeras vantagens de estar bem informado.


6. Conheça regiões não convencionais

Por fim, algo que costuma surpreender até mesmo os “viajantes profissionais”, são as diversas opções de cidades e países riquíssimos culturalmente, mas que não costumam ser listados como principais pontos turísticos do mundo.

Muitos brasileiros, por exemplo, se dizem surpresos quando, após anos em uma rotina de viagens, descobrem regiões aqui mesmo na América do Sul, como Machu Picchu e Cusco (no Peru), Mendoza (na Argentina), San Pedro de Atacama (no Chile), entre vários outros locais que em nada deixam a desejar em relação às mais badaladas atrações do mundo.


Gostou desse artigo? Deixe a resposta na forma de um comentário e continue compartilhando os nossos conteúdos!

Nenhum comentário:

© Copyright 2019 | Edeltraut Lüdtke | Proibida reprodução do conteúdo deste blog sem permissão. Tecnologia do Blogger.