30 de outubro de 2016

Você conhece a Oficina do Brinquedo da COPEL, de Cascavel/PR?

No último sábado, dia 22 de outubro, a Orquestra de Câmara de Toledo, da qual também orgulhosamente faço parte como violinista desde fevereiro/2016, realizou seu segundo concerto oficial do ano, no Teatro de Toledo, chamado Concerto Infantil, no qual o repertório foi totalmente voltado para as crianças, nossos futuros concertistas, para despertar neles o gosto pela boa música! A entrada foi gratuita, pois contamos com o patrocínio de algumas empresas, e no momento foram também recolhidos brinquedos, para a Oficina do Brinquedo da Copel.

A intenção deste breve post é mostrar esta causa linda, de transformação de brinquedos usados, quebrados, que geralmente vão pro lixo, em novos brinquedos, para alegrar a vida de crianças carentes! E de quebra um pouco do que foi o concerto, sob este ângulo social! A Oficina do Brinquedo da Copel funciona com voluntários da empresa, que dedicam uma parte de seu tempo nesta causa e já funciona há 15 anos! 

Quando o Guilherme foi comigo comprar o seu presente (e do Miguel) para o Dia da Criança, contei pra ele desta Oficina, que também desconhecia até então, e por causa do projeto da Orquestra vim a conhecer! Então, além de pedir para maneirar na escolha do presente, (pois ele nunca havia escolhido sozinho, assim, junto comigo - foi super consciente e me surpreendeu, sem birras ou teimosias!), também aproveitei para avisá-lo que teria de reavaliar os seus brinquedos, e começar a desapegar de algumas coisas que não brincava mais. O processo transcorreu sem muito drama (quando chegou em casa já começou a organizar a sua sacola de doações!) e senti como ele realmente se interessou em contribuir, veja nos cliques que fiz dele mais abaixo!

É super legal termos um local para destinarmos estes brinquedos velhos e quebrados, e se você reside aqui na região, aproveite para contribuir com esta "Oficina dos Sonhos" e ensinar as crianças a desapegar de um jeito solidário e criativo! Não somente para receber um brinquedo novo em troca, mas para destinar corretamente o que iria para o lixo, e especialmente, fazer uma outra criança feliz, com seu brinquedo transformado! O Natal está logo aí, e as doações são recebidas durante o ano todo! Recado dado, confira a seguir o vídeo para conhecer melhor o projeto da COPEL, e alguns cliques do concerto! Conheçam mais sobre a Orquestra de Câmara de Toledo e aproveitem para curtir a fanpage e ficar por dentro das novidades!



Alguns cliques do evento!


palco do teatro

concerto infantil - crianças curiosas

Edel e Gui no ensaio da orquestra

Familia da Edel

Participação Especial das Crianças

Orquestra de Câmara de Toledo


Orquestra de Câmara de Toledo

Gui e os brinquedos doados para a Oficina do Brinquedo

Gui desapegando dos seus brinquedos

Gui desapegando dos seus brinquedos

27 de outubro de 2016

Meu Projeto dos Sonhos, mais perto do que eu imaginava!

Sempre sonhei em organizar um grande projeto de arquivos institucionais. Acho muito desafiante “compor” o projeto, mas não executá-lo sozinha, o que seria praticamente impossível. Por isso gosto tanto da palavra Consultoria, tipo, dá a ideia, a solução, o caminho, e um trabalho de equipe dá suporte na execução das ações. No final das contas amo mesmo é organizar também, porque não tem graça não colocar a mão na massa! No post de hoje quero contar para vocês, como fui despertada (acorda, guria!) para o meu projeto dos sonhos, que estava mais perto do que eu imaginava!


Parceria entre IELB, Dello e Transformando Espaços


Voltei da última Capacitação de Lideranças da IELB (Igreja Evangélica Luterana do Brasil) que tivemos em Cascavel/PR, no mês de maio/2016 muito entusiasmada. Durante o encontro pude refletir sobre muitas coisas legais que estão melhorando, mudando e sendo implementadas dentro da IELB, como o resultado do trabalho de padronização de uma identidade visual para nossa igreja, projeto coordenado pela designer Arina Blum. Coisas são tão simples mas tão essenciais e que fazem tanta diferença!

A IELB está se organizando cada vez mais e melhor, pensei, no que eu, como Consultora em Organização/ Personal Organizer, poderia contribuir nisso? O que eu poderia fazer que tenha a ver com minha vocação, e que poderia fazer grande diferença no trabalho de outras pessoas?! Porque eu ainda não fiz o que desejava fazer?!

Quando cheguei em casa, vislumbrei 3 projetos grandiosos, e uma necessidade latente em nossa igreja, que eu poderia ajudar a solucionar. Inicialmente achei que eram 3 ideias distintas, mas depois percebi que tem tudo a ver uma com a outra. Adivinha a ideia que me veio à mente? Se já organizei um Manual de Padronização de Arquivos, porque não organizar o segundo?

Pela primeira vez temos eleita em nossa igreja uma vice-presidente de Comunicação mulher, Aline G.  K. Albrecht, jornalista por formação, (também esposa de pastor como eu e a Arina), assim não composta somente por pastores e leigos, como sempre foi até então. Este fato me deu também mais coragem de compartilhar estas ideias com ela, e vocês não tem ideia da minha alegria ao receber sua resposta super positiva de apoio e incentivo para que esclarecesse cada uma das ideias melhor, e verificasse como viabilizá-las!

Tracei o plano de ação em 5W2H antes mesmo de ter recebido o feedback dela, pois já estava decidida a implementar as mudanças aqui em nossa paróquia Emanuel, de Porto Mendes, de qualquer jeito, e inclusive começado as sensibilizações.

Farei uma breve descrição dos nossos três problemas, que transformei em projetos:

 

PROJETO 1 - ORGANIZAÇÃO DOS ARQUIVOS PAROQUIAIS


Sempre auxiliei meu marido Jackson na organização dos arquivos das congregações nas quais ele trabalhou  (ele é pastor da IELB - Igreja Evangélica Luterana do Brasil, na página A dona do espaço, explico melhor, pra quem ainda não conhece nossa história).

Já passamos por duas paróquias da IELB, esta é a terceira. Em Jaraguá do Sul/SC organizei o arquivo histórico desde o começo, pois os trabalhos da Paróquia iniciaram quando estávamos lá, em 2002. Era um arquivo pequeno, cujas caixas armazenava na estante de aço do escritório mesmo.

Em Itajaí/SC organizamos a papelada num arquivo de aço, que antes estava arrumada num armário antigo, nada adequado para uma arquivo histórico.

Em ambos locais (Jaraguá do Sul e Itajaí/SC), eu organizei a papelada sozinha, só que isso não gera engajamento das pessoas, por isso em nossa atual paróquia, Porto Mendes/Marechal Cândido Rondon/PR, tinha plena consciência de que precisava ter uma atitude diferente.

"Se fizer, farei com as pessoas da congregação, para que alguém aprenda do jeito certo, e continue mantendo depois", defini como meu lema, pois as pessoas precisam perceber a importância desta "organização de arquivos".

Ouso adivinhar que a documentação  em geral das nossas paróquias e comunidades está arrumada (ou bagunçada), não organizada. É difícil e demorada a localização dos registros, não há padronização (óbvio), e acredito que muita coisa nessa arrumação se perde. É uma realidade que se estende não somente às congregações, mas também aos distritos, e isso é preocupante.

Diante deste fato, almejo um projeto mais ousado e ambicioso, para resolver este problema e não remediá-lo. A necessidade que percebo é que precisamos de um Manual de Padronização de Arquivos Institucionais nas congregações e paróquias da IELB, para ter uma gestão documental mais eficiente, ou seja, um sistema simples de gerenciamento dos arquivos que facilite e agilize o acesso a informação pelos usuários dos arquivos [pastores, secretárias(os) e diretorias], e especialmente, para preservar a história da IELB!

Agora que é oficial, posso contar: a Dello é parceira do nosso projeto e patrocinou TODO o material necessário para organizar os arquivos! Agradecimentos mil, estou realmente muito feliz e empolgada com o projeto!

PROJETO 2 - TREINAMENTO PRÁTICO PARA LIDERANÇAS


Temos muitas palestras motivacionais para lideranças, mas não treinamentos práticos quanto aos trabalhos de secretários, tesoureiros e presidentes. Todos aprendem por "graça de Deus", como diz meu marido. Cremos sinceramente que "Deus não escolhe os capacitados, capacita os escolhidos", mas a gente pode dar uma forcinha pra essa situação.

Precisamos urgentemente de "Treinamentos para secretarias presidentes e tesoureiros", para que todos aprendam sobre suas respectivas Atribuições, Questões práticas e legais, e outros assuntos importantes. Esta questão me incomoda há anos, desde que escrevi o artigo para secretárias(os), e não consegui ainda, realizar nenhum treinamento focado para elas/eles.

Já vi tesoureiro auxiliando um novo tesoureiro nas atribuições do cargo, passando realmente o conhecimento adquirido, e formando novos líderes, se tornando dispensáveis. Mas também já vi presidentes, tesoureiros(as) e secretários(as) sem saber o que fazer diante do desafio, levando o barco aos trancos e barrancos, durante anos, até enfim, até mudarem e entenderem o que precisa ser feito. Eu talvez já tenha sido uma destas.

 

PROJETO 3 – ORGANIZAÇÃO PRÁTICA PARA PASTORES


Não estão claras quais são as atribuições do "pastor/secretário" quando a paróquia é pequena e é o pastor quem gerencia os registros. Há muitas diferenças de um lugar para o outro, dependendo da realidade, mas nenhuma orientação clara/escrita do que é tarefa de um e de outro. Isto não é burocratizar, criar entraves desnecessários, mas conscientizar, para que cada um ao menos saiba qual é a sua atribuição! Muitas vezes se diz “Ah, mas é tanto trabalho!” Só que nem se sabe realmente se o “tanto trabalho” é realmente necessário, faz diferença, ou se não é possível fazer de outra forma mais simples e organizada.

Muitos pastores podem não gostar do que irei escrever agora (por isso tive coragem de desabafar com a vice-presidente), mas deveria existir um Curso de Organização para Pastores, para o bem deles, para tornar mais produtivo o seu trabalho, clareando suas verdadeiras atribuições e quais projetos são de responsabilidade das diretorias, que eles não precisem executar, mas sim delegar e acompanhar, para que de fato aconteçam.

Talvez muitos pastores poderiam dar lindos testemunhos de sua gestão no trabalho, mas acredito que a grande maioria não está neste grupo. Falo de coisas práticas, processos de trabalho, gerenciamento de rotinas e tarefas. Não quero arrumar briga com os colegas do maridão, minha intenção é somente ajudar e simplificar as coisas!

Talvez levar uma orientação mais clara para os novos pastores que se formam no Seminário Concórdia, e iniciam seu ministério! Puxa, o projeto é grandioso demais, e dá pra desdobrar em muitos outros projetos!

 

COMO VOCÊ PODE ME AJUDAR NESSE PROJETO?!


Se você leu tudo até aqui, muito obrigada! É nesse projeto que venho trabalhando nos últimos meses, utilizando como exemplo as 5 comunidades de nossa paróquia; recordando as duas pelas quais passamos, e temos registros do trabalho realizado; e também cases que identificamos aqui na cidade, de igrejas irmãs.

Inicialmente pensei em me basear somente em alguns poucos cases comparativos aqui da cidade mesmo, mas nas últimas semanas mudamos de ideia: por isso descrevi o projeto antes do tempo planejado, e criei uma entrevista (abaixo), para coletar mais informações de outros locais e até denominações religiosas.

Se você é pastor e/ou secretária(o) de alguma igreja, e gostaria de contribuir com meu projeto de organização de arquivos institucionais, respondendo a esta entrevista, para que conheçamos a sua história e realidade, serei eternamente grata! Gostaria muito de ter mais cases para levantar dados, ideias, sugestões, boas práticas e para criar um Manual de Padronização de Arquivos Institucionais bem legal e assertivo! Se você for da IELB ainda mais, pois é para validação de sua Instituição que ele estará sendo elaborado! Repasse este post para alguma liderança conhecida, e nos auxilie neste desafio!

O "projeto dos sonhos" é longo, e tenho certeza de que terei muitas notícias legais para compartilhar com vocês nos próximos meses, aguardem!

24 de outubro de 2016

Como dobrar MEIAS

Hoje quero mostrar para vocês em vídeo o meu jeito preferido de dobrar meias, que é o estilo militar. As meias ficam bem compactas, enroladinhas, não exatamente um rolo (como é o estilo militar), mas adaptado ao formato da minha colmeia organizadora (da Linha SZ Produtos Organizadores)! Se você está aí pensando, "ah, perder tempo com dobras? Coisa chata!" te convido a entrar na onda da #dobraterapia. Sim, a gaveta e as prateleiras ficam muito mais organizadas, práticas e com todas as peças acessíveis! Pense nesse tempo como investimento, tanto para repensar a vida, e depois, tornando o dia a dia muito mais fácil! Vamos lá conferir o primeiro vídeo de dobras do canal! Se gostar, dê um joinha, e compartilhe, para disseminar a #dobraterapia na gaveta das meias!

Como dobrar MEIAS

20 de outubro de 2016

Como foi o primeiro Encontro de Esposas de Pastor da IELB?

O primeiro ENEP (Encontro Nacional de Esposas de Pastor) da IELB (Igreja Evangélica Luterana do Brasil) aconteceu na linda cidade de Curitiba/PR, de 14 a 16 de outubro de 2016, nas dependências do Hotel Bristol Portal do Iguaçu, e reuniu 135 esposas de pastor, de diversas regiões do país. Foi um evento inédito na nossa igreja, tão bem organizado e alinhado que virou evento oficial, e já tem até comissão organizadora para o próximo, que acontecerá no Espírito Santo, em 2018!

A ideia de termos um evento só nosso começou logo após a criação do grupo de Esposas de Pastor da IELB no facebook em 08.10.13, que foi uma forma de nos conhecermos e integrarmos, e enfim, a proposta ganhou forma e vida especialmente na Convenção que ocorreu em maio/2014, em Aracruz/ES, na reunião particular das esposas de pastor que daquele evento participaram. De lá saiu a decisão oficial que o primeiro ENEP seria realidade em 2016 com a bênção de Deus, e assim foi! 


Uma grande bênção! Quem pensou que a gente iria lá reclamar da vida, chorar as mágoas se enganou completamente, pois se "choramos" foi de muita alegria e satisfação! Não teve como não se emocionar, foi maravilhoso demais! Sinceramente, não há motivos para reclamar, e quem esteve lá só tinha motivos para agradecer e louvar a Deus! Que tipo de evento você se emociona e sente saudade, antes mesmo de terminar, ou quando já está quase no final, você sente, tipo assim, “como foi bom fazer parte desse momento!”? Neste eu senti.


3 palestras incríveis promoveram ótimas reflexões:

Bênçãos e desafios de uma vida online – com a vice-presidente de Comunicação da IELB Aline G. K. Albrecht.

“...aprendi a viver contente em toda e qualquer situação”. Fp.4.11 - com o pastor e psicólogo Flávio Luis Hörle.

“Alegrias e desafios na vida da esposa de pastor” – com a Dra. Beatriz C. Warth Raymann. 



Muitos momentos de louvor, oração, meditação e reflexão, bate-papo, depoimentos, risadas, noite artística... foi um encontro maravilhoso para compartilhar experiências, alegrias e desafios da vida cristã, como também na vida de esposa de pastor.

Ensaiamos durante a sexta e o sábado (nos intervalos, sim!) e cantamos no culto de encerramento o hino alusivo aos 500 anos da Reforma Luterana “Meu Senhor, tu me deste” (composição inédita de Paulo Winterle/2016) com o coral formado pelas esposas de pastor, e o acompanhamento das esposas musicistas, foi lindo demais! Lutero ficaria feliz em ouvir este hino, tão suave, tão gostoso de ouvir e tocar, tão emocionante, tão cristão-luterano!

Lindo também foi receber tantos abraços e conhecer pessoalmente minhas colegas às quais também inspiro com as dicas de organização aqui no blog!


Aproveito o momento para além de compartilhar minha impressão sobre o evento #enepielb2016 com vocês, também dar um breve testemunho sobre o que é para mim ser esposa de pastor, pois talvez isso seja novidade para você, querido(a) leitor(a)! Tenho um texto antigo meu guardado, mas não tinha a ver tornar este post tão longo.



Minhas alegrias e desafios como esposa de pastor são... 


Meu marido Jackson, nosso passado que nos transformou no que somos hoje, e nosso presente com também nossos pequenos príncipes, frutos do nosso amor.

É olhar para as oportunidades que temos de servir ao nosso próximo com nossas vocações, dentro da família e também fora dela, na sociedade, e agir.

Tem muito a ver com o que motivou a realização do primeiro ENEP: vislumbrar uma oportunidade e fazer acontecer, não se lamuriar por isso ou aquilo, mas pedir a bênção de Deus, e agir!

O desafio também pode ser visto como alegria, e é aí que mora o segredo do contentamento. É na tristeza que Deus nos torna mais fortes. É na dificuldade que mais clamamos por socorro. Que triste uma vida sem desafios, não? Desafios me movem a fazer diferente e melhor, e alegrias também! Desafios me fazem crescer (por vezes entristecer, chorar, enxugar as lágrimas, orar mais), e alegrias me fazem sorrir e agradecer!

Talvez se não fosse esposa de pastor não buscaria nem enxergaria tantas oportunidades para servir, crescer no conhecimento da palavra e louvar do único que é digno de toda a glória. Talvez não teria este discernimento de alegria e desafio, e tantos outros. Acredito que se Deus me colocou ao lado do Jackson, pastor, foi com algum propósito, ou muitos deles. Não cabe aqui enumerá-los, apenas vivê-los!

17 de outubro de 2016

Modelo de Manual de Padronização para Arquivo Inativo


Como confessei algumas semanas atrás na Minha história com a Organização de Arquivos, ainda há muito que contar, e hoje quero contar mais um pouco, fatos omissos ou escondidos sobre a minha ex-paixão tímida e secreta com os Arquivos. Acompanhe a história até o final para entender o que significa este título aí acima, e fazer o download de um manual muito interessante!

Quando tivemos de escolher um tema para trabalhamos no Relatório Final de Conclusão de Curso, na faculdade de Secretariado Executivo, eu escolhi me aprofundar mais na Organização de Arquivos. Queria mexer em papel mesmo, transformar um arquivo com minhas próprias mãos, mas o negócio não foi bem assim. Algumas colegas o fizeram, e ah, como eu fiquei com uma pitadinha de inveja, pois queria ter feito o mesmo.

Só que como sempre, queria fazer demais, tinha muitos objetivos, num tempo muito curto, (só queria transformar um arquivo com as próprias mãos, sozinha, trabalhar, estudar as outras disciplinas finais, me acabar de ler sobre arquivos, escrever o TCC, só tudo isso...).

A orientação da minha querida prof. Vera de Tofol foi de que construísse um trabalho mais teórico, como um estudo de caso, e propondo um relatório de melhorias. Escolhi o Arquivo Inativo do SENAI/Jaraguá do Sul, empresa onde trabalhava na época, para ser o meu alvo. Assim eu fiz, aprendi muito, mas não me contentava em ter feito somente um trabalho teórico (se quiser ler o meu trabalho está neste link), algo me dizia que queria e precisava fazer mais.

Os arquivos da minha área estavam muito bem organizados, e na sala do Arquivo Inativo nem havia mais caixas da Qualidade, estavam todas armazenadas no armário do meu setor mesmo. Pois com uma gestão adequada e o descarte do que já pode ser descartado, não acontece o acúmulo de papeis desnecessariamente.

Assim, no mesmo ano que fiz o curso de Personal Organizer em Curitiba, em 2010, era o ano em que o bicho da organização iria me pegar, e pegou mesmo! Felizmente teríamos de revisar o procedimento dos arquivos, pois de 3 em 3 anos era o tempo previsto para isso. Esse procedimento era o padrão de trabalho que descrevia como deveria acontecer a gestão do arquivo. Só que lembro que era tudo muito solto, sem muitas amarrações, muito livre, sem fluxo de trabalho definido, muito genérico.

Eu trabalhava exatamente na área de Gestão da Qualidade, como Representante da Direção para assuntos da Qualidade, e entre elas, estava a atribuição de gerenciar e manter atualizada a documentação da instituição.

Quando revisamos o padrão de trabalho, aproveitei para sugerir a implementação do Manual de Organização de Arquivos, amarrando assim ele ao procedimento dos arquivos. Como projeto piloto para que cada área atualizasse sua parte no arquivo, e colocasse em prática o padrão de trabalho, abracei a área do financeiro, e organizei todas as caixas e registros que estavam por lá. Foi uma experiência que gostei muito de fazer, e a transformação foi evidente.

Até hoje, nunca havia escrito nada sobre isso, e penso que foi uma experiência que não pode continuar arquivada assim, sem ser compartilhada. Então, se você quer ter uma ideia de um manual prático e didático, claro e diferente sobre arquivos, com imagens e fluxogramas, registre seu contato no formulário abaixo, e lhe enviarei em breve o Manual para servir de exemplo! 



Se ainda não te convenci de que organizar arquivos pode ser uma tarefa muito divertida, pois você fica no controle dos seus documentos, assista esse vídeo, que detalha o Manual de Organização de Arquivos em fotos, aquele que foi implementado lá no SENAI na época, baseado no meu trabalho da faculdade. Tenho certeza de que você vai amar!


13 de outubro de 2016

Bate Papo com a Personal Organizer Vera Corradi

No bate papo deste mês, no qual comemoramos o dia da Personal Organizer (dia 3 de outubro!) lhes apresento a Vera Corradi, provavelmente uma das profissionais com mais tempo já atuando na profissão! Tanto ela quanto seu esposo trabalham com organização, então na última conferência me atentei para este detalhe, pois até então não conhecia nenhum casal organizado, será que temos outros?! Geralmente consideramos as mulheres mais organizadas, mas a vida nos mostra que não é bem assim não, ainda bem! Vera tem um slogan que me chamou muito a atenção, e se ela me permite, irei multiplicá-lo: "Organização não é um luxo e sim uma necessidade". No primeiro post que escrevi neste blog falei sobre isso, que organização é para todos! Que essa voz "Organização não é um luxo e sim uma necessidade" ecoe por todos os cantos, pois nem todas as pessoas estão ainda cientes deste fato! Vamos conferir o bate-papo!



Nome: Vera Corradi

Site ou Blog: www.organizecomvc.com.br

Formação acadêmica: Superior

Especialização: Designer de Interiores

Onde reside: Santo Amaro/SP

Breve Currículo:

Vera Corradi
  • Formada em Designer de Interiores em 1990;
  • Instrutora da OZ! Desde 2005;
  • Ministra Palestras em Empresas, Clubes e Grupos com assuntos pertinentes a Organização;
  • Mais de 300 clientes em Organização;
  • Profissional renomada está sempre na mídia dando entrevistas e dicas de organização.


1.Como você descreve os benefícios da organização na sua vida?


Costumo resumir em uma única frase de minha autoria: "Organização não é um luxo e sim uma necessidade".

2.Desde quando é apaixonada (o) por organização e há quanto tempo é "oficialmente" Personal Organizer? Onde fez o curso de Personal Organizer?


Gosto de organização desde pequenina e brincava de boneca com minhas primas de casinha. Minha paixão era arrumar as panelas, as roupinhas das bonecas.

Sou Personal Organizer desde 1996 – 20 anos. Minha primeira cliente foi uma Juíza que me contratou por um anúncio que fiz na Vejinha São Paulo.

Sou Precursora dos cursos OZ!

Não posso dizer que fiz curso de organização pois em 1996, não existia nenhum curso de organização, como já era Designer de Interiores, a organização está no DNA e acabou dando certo.

3.Qual sua principal área de atuação - serviços de organização presencial, consultoria, palestras, workshops, cursos, ou ainda outra?


Hoje, minha principal área de atuação é ministrar cursos, Palestras e Workshops. Minha paixão é ensinar e passar meus conhecimentos para as futuras POs, mas atuo em Organização de Residência, Mudanças, Rotina Doméstica, Treinamento de Funcionários.

4.Qual tipo de arquivo ou móvel possui em casa para organizar a papelada?


Em meu escritório tenho um móvel de escritório, tamanho de uma cômoda, cinza, dentro ele tem 2 prateleiras para papel e materiais de escritório e uma base deslizante com pastas suspensas.

5.Como é o seu home office? Pode nos mostrar uma foto do seu cantinho, especialmente da sua mesa de trabalho e cadeira que utiliza?


Claro!



6.Você aplica o GTD no gerenciamento de informações, rotinas e tarefas? Se não aplica, utiliza outro método?


Não, meu método é o PEP – Personal Efficyence Program, www.pepworldwide.com.br a qual temos uma franquia dos EUA.

7.Que tipo de agenda e gerenciador de tarefas utiliza, físico ou eletrônico?


Apple.

8.Qual seu livro de organização preferido?


Donna Smiles.

9.Qual produto organizador você não saberia viver sem?


Minhas capas e envelopes de Organza.

10.Que dica de organização você considera a mais essencial para sua vida?


Você deve ter uma rotina, sem rotina não se consegue ser organizada. E em seguida uma agenda que agregada à rotina, não tem como dar errado.

10 de outubro de 2016

Palestra em Juranda/PR # Como reinventar o casamento quando os filhos nascem

Como reinventar o casamento quando os filhos nascem


No post de hoje quero compartilhar um momento muito especial para mim, que foi palestrar no L Congresso de Servas do DIPANO (Distrito Paraná Norte), em Juranda/PR, que aconteceu nos dias 24 e 25 de setembro de 2016. O "L" é de Quinquagésimo, ou seja, o distrito de servas completou 50 anos desde sua fundação!

No convite que recebi apontava as seguintes diretrizes:
  • Lema: “A mulher sábia edifica a sua casa” Pv 14.1.
  • Tema: Educação – Pais e Filhos. “O filho sábio alegra a seu pai, mas o insensato é a tristeza de sua mãe”. Pv 10.1.

A expectativa era que falasse algo sobre "a mulher sábia e seu papel no lar", como mãe, esposa, filha...

Estava lendo e relendo o livro "Como reinventar o casamento quando os filhos nascem" há algum tempo já, me inspirando pra vida em família e aplicando algumas ideias (tipo o Jogo do Lar), e não deu outra: percebi que este tema tinha tudo a ver! 

Afinal, para termos filhos sábios, precisamos ser mulheres sábias, e mulheres sábias, reinventam o casamento quando os filhos nascem! Ambos são empreendimentos distintos e carecem de mais zelo e atenção de nossa parte, especialmente a integração inteligente de ambos.

Não tenho o casamento perfeito, tanto meu marido, quando eu, e nossos filhos são falhos. Precisamos conviver com muito amor e paciência para aturar nossos gênios. Mas como dizia a letra da música que meu marido e eu adorávamos assistir, de A Grande Família "Nossa família é muito unida, e também muito ouriçada, brigam por qualquer razão, mas acabam pedindo perdão."

Da mesma forma como escrevo sobre organização, faço palestras e falo sobre o tema, minha vida organizada não tem sempre a configuração perfeita, o selo de qualidade total, há as oportunidades de melhorias e não-conformidades. Não é por isso que deixo de falar ou escrever: bora trabalhar e por em ordem!

Assim como a organização faz parte da minha vida, me ajuda a ter melhor controle de tudo, minha família também faz parte, e me ajuda a voltar para o meu centro, para a base, para o fundamento, para meus verdadeiros valores de vida.

Quis escrever isso pois pela primeira vez na vida Deus abriu meus olhos e me mostrou que quem fala e aconselha, não precisa ser perfeito, basta ser humano. Basta ter a coragem de falar o que tem de ser falado, tentando se colocar no lugar do outro, e auxiliar no processo de esclarecimento dos fatos, de maneira sábia e humilde. Nem todos entenderão, alguns irão rejeitar, muitos não gostarão. Nem Cristo agradou a todos, o que esperar de simples mortais?

Assim, me senti muito honrada pela lembrança do meu nome, e me aventurei com a ajuda de Deus nessa empreitada! Espero que ele coloque mais oportunidades no meu caminho para falar novamente sobre, pois é um tema maravilhoso para refletirmos enquanto casais!


6 de outubro de 2016

Inspiração # 12 - Filhos



Escrever sobre estas joias preciosas não cabe num parágrafo da série Inspirações, daria sim um livro! Os filhos biológicos ou "de coração", são bênçãos de Deus em nossa vida, e a maternidade/paternidade é uma experiência única de aprendizado mútuo, onde ambos ensinam e aprendem uns com os outros. É um desafio absurdamente assustador, mas também uma maneira maravilhosa e única de "parir um novo eu", amadurecer, doar-se verdadeiramente, amar incondicionalmente, dar um basta no egoísmo, aprender a conviver em família, e até de reinventar o próprio casamento, a vida e o trabalho. É uma experiência transformadora que não cessa quando o filho nasce, nem quando ele se torna mais independente, a vocação de ser mãe/pai é mutante para sempre! Cada fase trará novas alegrias e desafios. Que os filhos não sejam nossa única razão de viver, e nem uma das desculpas para deixarmos de fazer o que queremos na vida. Que eles sejam a INSPIRAÇÃO para nos levar a ter atitudes sábias, coragem para fazer acontecer e assim vivermos uma vida mais plena e feliz, em busca da realização de nossos sonhos!

5 de outubro de 2016

Convite Primeiros Workshops TE - Guarda-roupa Organizado

Hoje divulgo um projeto muito legal que há tempos venho refletindo, esclarecendo, construindo, e enfim, não quero deixar pro ano que vem de jeito nenhum: os Workshops de Organização do Blog Transformando Espaços!!! Sim! No menu PRODUTOS e SERVIÇOS tem a página Workshops onde você pode conferir o que mais está por vir aí, mas o objetivo deste post é registrar o convite para os primeiros, que estou organizando na minha cidade, em Marechal Cândido Rondon/PR, para acontecerem no mês de novembro/2016!


Workshop de Organização


O melhor lugar para começarmos a organizar é o nosso tão queridinho e adorado GUARDA-ROUPA, pois ele reflete muito do que somos, gostamos, enfim, nosso estilo! É este desafio que te faço: venha comigo, aprender a organizá-lo seguindo o passo a passo da organização, e você verá que com simplicidade e criatividade seu espaço pode ficar muito, mas muito melhor! Organize-se e viva mais feliz!

Chega de bagunça! Com um guarda-roupa organizado, você irá localizar suas roupas com facilidade e rapidez, visualizará todas as peças que possui, não comprará peças desnecessárias, e mais uma série de outros benefícios!

Conteúdo:


Aprenda como aplicar o processo da organização de espaços no seu guarda-roupa, como começar a organizar, o que armazenar em cada espaço (prateleiras, gavetas e maleiro), produtos organizadores que são grandes aliados, técnicas de dobras de roupas, e principalmente: como manter tudo organizado depois! Transforme seu guarda-roupa de forma simples, prática e funcional!


Data, Horário e Local:


Os primeiros Workshops de Organização do blog Transformando Espaços serão em Marechal Cândido Rondon/PR, nos seguintes locais e datas:


Quando: 12 de novembro de 2016, sábado

Horário: 14 às 16h

Local: Hotel Hospedare, Av. Rio Grande do Sul, 1478, centro





Quando: 14 de novembro de 2016, segunda-feira

Horário: 20 às 22h

Local: Porto Mendes - Pousada Porto Iguaba





Agora ATENÇÃO!, se inscreva logo, pois as vagas são limitadas! Mais informações e inscrições pelo e-mail transformandoespacos@gmail.com!

Venha comigo, organize-se e viva mais feliz!

3 de outubro de 2016

Toda casa precisa de um home office!

Toda casa precisa de um home office

Papelada espalhada por gavetas e móveis da casa. Livros aqui, coleções de fotos ali. Computador num ambiente. Coisas do hobby noutro. Você nunca pensou em centralizar tudo num só lugar, e criar um home office?

Organizar um cantinho da casa para integrar diversas funções, como: trabalho, hobby, canto de leitura e estudos? Um home office para trabalhar e estudar? Quero ajudar você a transformar seu espaço com um toque simples e prático de organização, o que você acha?

Já vivi por muitos anos sem este ambiente em casa, estudei na mesa da cozinha, no sofá da sala, na cama do quarto, mas te garanto que nada melhor do que dar um up na sua produtividade do que criar um ambiente como este! Se já possui um home office em casa, com as dicas de organização que trarei para você, tenho certeza de que ele ficará ainda melhor!

Toda casa tem um(a) dono(a) de casa, coisas para guardar, rotinas a seguir, papelada, coleções, computador e a melhor coisa é organizar esse negócio todo, pra que se tenha tempo de trabalhar de forma mais produtiva, localizando o que se precisa com facilidade e rapidez.

Se este coração do lar estiver organizado, o restante ficará bem mais fácil. Ter uma casa funcionando dá trabalho [as(os) donas(os) de casa que o digam!] e requer um bom gerenciamento de tarefas para que tudo ocorra na hora certa, por isso, todos nós merecemos um home office organizado! Crie este pequeno "centro de comando" em seu lar, porque #todacasaprecisadeumhomeoffice!

Você deve estar pensando "Que lindo Edel, mas como você vai fazer isso?! Por onde posso começar?!" Estou preparando uma série de posts para conversarmos um pouco sobre esse assunto, sobre o o que considero essencial dentro deste espaço, compartilhando minha experiência na montagem do meu home office.

Espero realmente te inspirar a montar o seu espaço, de forma simples e prática, como a organização deve ser! Não perca nenhum episódio da série 5 coisas essenciais num Home Office!, que no final, você terá outra visão deste espaço! Vamos juntos nessa?!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? COMPARTILHE!