15 de junho de 2016

Bate-papo com a Personal Organizer Yolanda Hollaender

Lembro que o primeiro contato que tive com a Yolanda foi através dos e-mails que ela enviava lá em 2013,  pois estava frente a esse movimento que ela mesma descreve abaixo, no processo de criação da ANPOP - Associação Nacional de Profissionais de Organização e Produtividade. Ano passado tive a oportunidade de conhecê-la pessoalmente no Curso de Organização de Arquivos com Tadeu Motta, e até de almoçarmos juntas e trocarmos mais figurinhas! É um amor de pessoa, e tem uma preocupação toda especial com os desorganizados crônicos, assunto na qual tem seu foco de trabalho e vem se especializando. Sim, gente, desorganização pode ser uma doença, e há tratamento para os acumuladores crônicos, felizmente. Muito amor e paciência, por que não deve ser nada fácil. Só que hoje o assunto não é desorganização crônica, mas sim Bate-papo com Personal Organizer, então, vamos a entrevista! Noutro momento Yolanda volta pra falar sobre isso em especial!

Bate-papo com a Personal Organizer Yolanda Hollaender


Bate-Papo com a Personal Organizer Yolanda Hollaender



Nome: Yolanda Hollaender

Formação Acadêmica: Bacharel em Letras

Especialização: Língua Inglesa

Site ou Blog: www.yorganiza.com.br e www.desorganização.com.br

Local onde reside: São Paulo/SP

Breve Currículo: Yolanda Hollaender, graduada em Letras e Secretariado, foi professora por mais de 10 anos em escolas de primeiro grau e trabalhou como secretária bilíngue em empresas de diversos portes. Blogueira amadora desde 2009, atualmente é consultora e profissional de organização em ambientes residenciais e corporativos; sócio fundadora da Associação Nacional de Profissionais de Organização e Produtividade – ANPOP. É corresponsável na Oficina de Suporte aos Problemas de Desorganização, juntamente com uma psicoterapeuta. Participa, também, de cursos de aperfeiçoamento e aprimoramento na área de organização.

1. Como você descreve os benefícios da organização na sua vida?

Com a organização, economizo tempo e energia para dedicar-me ao que realmente interessa e, com isso, tenho melhorado minha qualidade de vida.

2. Desde quando é apaixonada (o) por organização e há quanto tempo é "oficialmente" Personal Organizer? Onde fez o curso de Personal Organizer?
Organização é algo que tenho feito ao longo do tempo, desde a infância quando eu guardava meu material escolar, dividindo o armário da sala com meus irmãos. Naquela época, eu já tinha uma boa noção de como otimizar espaços. Descobri a ‘arte de organizar’ depois de várias mudanças de residência num curto espaço de tempo, quando, depois de ter morado no interior, voltei para a cidade. Procurando por uma atividade, descobri a OZ e fiz um curso de capacitação no segundo semestre de 2012. Mas, iniciei, de fato, com o lançamento de meu blog Yorganiza – Personal Organizing, em 25 de janeiro de 2013 e, logo, com uma amiga, promovi encontros entre profissionais de organização, nascendo daí o engajamento com a ANPOP, associação da qual fiz parte da primeira diretoria; como também, atualmente, participo do staff da 3ª edição da Conferência Internacional de Profissionais de Organização que acontecerá em junho de 2016. Eu poderia dizer que tenho respirado organização o tempo todo!

3. Qual sua principal área de atuação - serviços de organização presencial, consultoria, palestras, workshops, cursos, ou ainda outra?
Faço consultoria e organização de espaços, como também promovo workshops. Tenho estudado o Transtorno de Acumulação e, juntamente com uma amiga psicoterapeuta, desenvolvo um trabalho voltado ao desorganizado crônico. Sou idealizadora da Oficina de Suporte aos Problemas de Desorganização, onde acontecem encontros e palestras de sensibilização para pessoas com dificuldade em se organizar. Recentemente, formei, junto com a psicóloga que faço parceira, um Grupo de Estudos com profissionais de organização para a troca de ideias sobre o atendimento ao desorganizado crônico - ocasião em que os participantes trazem sugestões de leitura e apresentação de cases para um amplo debate sobre o assunto.

4. Qual tipo de arquivo ou móvel possui em casa para organizar a papelada?
Uma bancada de 1,80m. Adaptei de uma prancha que minha filha se desfez, usando dois gaveteiros como suporte. Utilizo, também, arquivos de pastas suspensas para organizar meus documentos.

5. Como é o seu home office? Pode nos mostrar uma foto do seu cantinho, especialmente da sua mesa de trabalho e cadeira que utiliza?
Na bancada de trabalho, tenho minha agenda física, meu notebook, a impressora, canetas e lápis, além de bloquinhos de notas e minha pequena prancheta para anotações diversas. Minha cadeira é confortável e ergonômica, com apoio para os braços.

Home Office Yolanda Hollaender


6. Você aplica o GTD no gerenciamento de informações, rotinas e tarefas? Se não aplica, utiliza outro método?
Aplico, sim. O que mais gosto de utilizar é a Técnica Pomodoro, através da qual divido minhas tarefas em blocos de 25’ cada, com 5’ de intervalo. Planejo meu dia de trabalho, antes de começar minhas atividades diárias, assim, sei quanto tempo preciso para cada tarefa.

7. Que tipo de agenda e gerenciador de tarefas utiliza, físico ou eletrônico?
Uso tanto a agenda física como a agenda do Google, onde concentro meus compromissos. Um exemplo que funciona muito bem para mim é anotar em minha prancheta quais as atividades do dia: coordenar a atividade doméstica; atividade física, sair para um atendimento; fazer telefonemas; resolver pendências; ou entregar uma tarefa. Calculo o tempo aproximado de cada uma dessas etapas e, assim, meu dia é planejado. Claro que contratempos podem acontecer e, para isso, deixo uma folga entre uma atividade e outra, justamente para compensar eventuais imprevistos.

8. Qual seu livro de organização preferido?
Meu mais recente livro de cabeceira tem sido ‘The ICD Guide to Challenging Disorganization’, voltado para profissionais de organização. E pelo Kindle, o livro de Judith Kolberg ‘What Every Professional Organizer needs to Know about Hoarding’. É meu aprofundamento no estudo sobre desorganização crônica. Mas, em paralelo, tenho procurado ler tudo o que envolve organização de espaços, produtividade e gestão de tempo.

9. Qual produto organizador você não saberia viver sem?
Gosto muito de organizadores para armários e gavetas, em que deixo minha lingerie, minhas meias, meus lenços, meus talheres, meus mantimentos em ordem e fáceis de pegar.

10. Que dica de organização você considera a mais essencial para sua vida?
Os benefícios de uma boa organização, praticada de forma disciplinada e contínua, podem proporcionar aumento do espaço, melhoria na limpeza, agilidade ao procurar alguma coisa que precisa, aumento do tempo para se dedicar a outras coisas e, sobretudo, uma vida com mais liberdade.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? COMPARTILHE!