28 de agosto de 2015

Como foi o aniversário de 1 aninho do Miguel?

Tudo o que o primeiro filho teve o outro também há de ter, será? Hummm, não sei se vou comparar muito não, acho que não vale a pena nem é saudável. Vamos pelo bom senso, pelo que eles curtem, pelo que podemos e queremos fazer. Depois da décima festinha, ainda teremos erros e acertos para listar, mesmo seguindo checklists atualizados e sempre testando novas possibilidades.

Sabe o que é o mais importante? É comemorar, e não deixar passar em branco! Esse é o grande segredo! O COMO é só mero detalhe, que pode ser mais cheio de frescura ou um piquenique ao ar livre, com parque de diversões pra piazada se acabar de tanto brincar. Nestes momentos sinto nitidamente o meu lado simples e prático entrando em ação, às vezes um pouco arteiro também.

Assim inicio o post do níver do Miguel, que completou 1 aninho no último dia 18. Ele estava muito feliz, rodeado de mimos das dindas(os) e demais convidados na sua festinha. Foi exatamente como contei sobre a inspiração pra festinha, algo bem caseiro e família. Aniversário que começa com almoço é bem comemorado e bebemorado, é ou não é? Ficamos muito felizes de receber as visitas de longe, que vieram prestigiar conosco deste momento tão importante, super escolha essa nossa para os padrinhos do pitoco!

O convite

 



O móbile de Carrinhos, Fotos e Balões Verdes

 

 Resolvi sair do ambiente da cozinha para aproveitar o galho seco e montar esse móbile de carrinhos, seguindo tema do convite virtual. Gostei desse negócio de mobile, apesar de dar um trabalhinho considerável. Em EVA foi mais fácil pra mexer com cola quente do que papel cartão, como foi o mobile do Mickey que fiz pro Gui. Este espaço pequeno é uma espécie de "sala corredor", que liga diversos ambientes, perfeito para montar um cantinho assim!


Jogo dos 7 erros - na vida real é assim - as rodinhas (botões) ainda não haviam sido "instaladas" em todos os carrinhos!

Aqui o móbile prontinho!

A mesa

 

Isso não estava nos planos, foi improviso que fiz na hora H, deixar os comes e bebes em duas mesas redondas (usaria somente uma delas). Aproveitei o tecido que foi fundo de tantas outras comemorações (desde o batizado do Gui!) para usar como toalha nas mesas, pois tem um caimento bem legal. Essa vou repetir nas próximas, amei!




Comes e Bebes

 

Detalhe: os "bebes" ficaram na cozinha. Brigadeiro de copinho da mamãe, brigadeiro da vovó na forminha, e os copinhos de flan eram pra ser uma torta de bolacha (mas no mercado li "pudim Royal" em fez de "flan" no pacote, então saiu flan). Gelatina (diz a tradição [???] que toda festa de criança deve ter), sem exageros desta vez, combinando com a cor dos balões, rs... E bora usar as travessas bonitas de vez em quando né, com uns salgadinhos de salsicha e calabreza/cebola/azeitonas...



 

Os convidados


Amigos, padrinhos, madrinhas, avô, avó e meu primo.


E para finalizar a tradicional, que não pode faltar! 

 

 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? COMPARTILHE!