31 de julho de 2015

Como os livros podem ser grandes parceiros...

Sou uma apaixonada por livros, grandes mestres por toda a vida, especialmente sobre os relacionados a organização e afins. O livro em si é um instrumento de transformação e reconstrução de conhecimentos, pois começa a remexer antes de num espaço físico e concreto, na nossa mente inquieta e curiosa. Conclusões que podemos tirar de nossas leituras organizadas...

Casa Cor São Paulo 2015 - fotos do meu acervo pessoal
Casa Cor São Paulo 2015

1 INSPIRAÇÃO 


Você terá ideias incríveis a partir das análises que fará da leitura do livro, e certamente em algum momento concluirá: como não pensei nisso antes? Desejará colocar em prática algumas sugestões, sublinhará trechos, guardará conceitos, e acreditará que ele mudou realmente sua vida em algum aspecto, cumprindo seu papel.

2 FILTRO


Você perceberá que não existe livro perfeito e que algumas coisas que funcionam como ideal para quem escreve não tem nada a ver com você. Grande parte dos exemplos te ajudarão e alguns você interpretará como utopia do escritor, pois parece que ele aponta soluções infalíveis que não tem como não funcionar. Cada um defende o que crê e vende o seu peixe como melhor conseguir. O poder de escolha é unicamente seu.

3 CONSTRUÇÃO 


Você perceberá que em alguns aspectos as ideias daquele outro escritor são melhores e mais aplicáveis para você. Assim irá extrair um pouco daqui, um pouco dali e construirá um sistema que funcione bem e que seja personalizado para você, dentro da sua lista de livros prediletos. E como todo bom sistema que se preze passa por melhorias contínuas, mudemos de vez em quando, para melhor.

Muitos novos escritores surgirão com novas ideias ou compartilhando o que acreditam que pode dar certo, pois em suas experiências pessoais tiveram sucesso. Então, leia muito, para que as ideias venham, você as implemente, e possa ter uma vida organizada, mais tranquila e mais feliz! E lembre-se sempre de que as conclusões que tiramos de nossas leituras tem tudo a ver com essas 3 palavrinhas: inspiração, filtro e construção!

29 de julho de 2015

Ter a mente clara como a água

Passei a ser "usuária do GTD", como as pessoas da comunidade GTD falam, oficialmente há pouco tempo. Comecei a ler o livro no final de 2014, e no início deste ano passei a fase da implementação mais propriamente, mesmo já tendo citado que de certa forma já tinha algumas práticas semelhantes em minha vida, sem saber que aquilo fazia parte de algo bem maior. Pessoas organizadas já fazem algumas coisas instintivamente, buscam informação, e implementam as coisas, e se funcionam, continuam com elas. Comigo foi assim, mas a prática consciente passou a acontecer neste ano.

Quis iniciar escrevendo isso pois estou em meio a um processo de desapego de papéis no meu home office, tentando reorganizar os meus arquivo com outro pensamento, integrando os conceitos do GTD e de arquivística, para tornar tudo mais alinhado, simples e prático. Durante a avaliação das minhas 12 caixas de arquivo, especialmente da 6 a 12, que guardava materiais da graduação e pós, me deparei com meu Portfólio de Criatividade, criado na faculdade em 2007, e para minha felicidade encontrei algo que estava procurando e não lembrava onde havia guardado.

Talvez a reflexão "nada na mente" não caiba como uma luva no conceito do GTD "mente clara como a água", mas evidencia que já estava no caminho. Talvez a força para enfrentar as situações imprevistas, angustiantes, o caos e as tempestades da vida vem exatamente de não levar tudo tão a sério, ter a consciência de que estas coisas acontecem e passam, assim como as alegrias e momentos de euforia. Tudo na vida não são copos d'água? Certamente grande parte das nossas tempestades sim. Para pensar então...



NADA NA MENTE
escrito por mim em 5 de agosto de 2004

Como é bom "não pensar em nada", estar tranquila e serena, deixar a mente descansar, não correr a mil por hora o tempo inteiro. É legal saber curtir os momentos com intensidade, concentrar-se naquilo que está fazendo. Assim a caminhada é realmente um anti-stress, tocar piano é desafiante, o sono é mais gostoso, a refeição é mais saborosa, a leitura se torna edificante, o diálogo tem sentido e une, enfim... trabalha-se e descansa-se muito melhor! Vive-se melhor! A mente consegue parar para meditar, refletir, e tira-se tempo para tudo o que é realmente importante! Do contrário, no final do dia parece que não fazemos nada do que havíamos nos proposto para fazer, apenas ficamos pensando e nos cobrando.

Como é bom quando não levamos a vida tão a sério! Deixemos o passado para trás, o futuro para frente e vivamos no presente, sem preocupações bobas e ansiedades angustiantes, entregando nossa vida nas mãos do Senhor Deus, a quem ela realmente pertence!

Moral do título: pra você fazer algo bem feito é preciso se desligar do resto do mundo e a se concentrar intensamente no que está fazendo, aprender a fazer isso não é muito fácil, mas possível. Faça o que precisa ser feito. Cuide da sua alma, do seu corpo, do seu marido, da sua casa, dos seus estudos, das suas aulas, da sua mente, do seu tempo, enfim, cada coisa no seu devido momento! Tire tempo para o que é importante realizar! "Nada na mente" não no sentido de mente vazia, ignorante, mas mente bem ocupada, sábia, nada de ruim, tudo de bom! Mente serena, atitudes sábias, tempo bem aproveitado!

27 de julho de 2015

Atitude # 21 - Aprenda a esperar.



Atitude # 21 - Aprenda a esperar.


Sentimos ansiedade por acontecimentos futuros, que ainda estão por vir. Ansiedade para que as coisas que queremos aconteçam, por fazer mais, por resultados rápidos. Mesmo que saibamos que a ansiedade é puro stress, somos ansiosos por natureza, pelo menos a maioria das pessoas é. Quem não sente um pouco disso de vez em quando? 

Só que mais sábio e inteligente é aprender a esperar. Esperar é algo importante, que faz parte de nossa vida, ao menos deveríamos entender e aceitar isso. Já que esperar faz parte, conforme-se, mas torne os períodos de espera momentos de diversão, de reflexão, de se conhecer melhor, de olhar para dentro de si mesmo. Se a espera é uma viagem pessoal, que cheguemos ao nosso destino bem preparados.

24 de julho de 2015

Gaveteiros são A solução para organizar a papelada

Ideia, ideia, ideia! Gaveteiros são A solução para organizar a papelada, sim! O modelo abaixo além de possuir um espaço para pastas suspensas, que facilita a guarda de registros e documentos, tem as gavetas superiores que podem armazenar suprimentos necessários próximos da mesa de trabalho, ou ainda, servir como caixas de entrada e saída, sem necessidade de mais produtos organizadores em cima da mesa! Essa escrivaninha é a minha mais ammmada da MMM! Linhas retas, básica, clean, amo! E junto com o gaveteiro dá um charme especial!




Dá pra jogar o gaveteiro com uma mesa branca também, o contraste te agrada? Moderno e jovial. Tem gaveterios na cor branca também, só que minha escolhi os modelos em tom de madeira pois me agradam mais.



Este outro modelo de gaveteiro cru é um curinga, dá para organizar mil coisas, no closet, na cozinha, embaixo da cama, além de no home office, claro. Pode virar um nicho na parede, e o que mais sua criatividade inventar! Já pensou ele com uma tinta colorida?

 



Clique na imagem abaixo para mais informações!




22 de julho de 2015

Bate-papo com a Personal Organizer Kalinka Carvalho

A profissão de Personal Organizer e o mundo da organização não é ainda tão conhecido quanto nós, profissionais da área imaginamos, e ao qual vivemos ligados e atentos. Por isso, como sou muiiiito curiosa, e quero que este conceito se expanda cada vez mais, pois reconheço seu valor e importância, resolvi trazer essa turma organizada para o blog, para compartilhar com os leitores um pouco do que fazem, dicas pessoais, como chegaram lá, onde estudaram, como se organizam em casa especialmente no home office, e na vida de maneira geral. É jogo rápido, só pra você perceber que tem muita gente legal fazendo A grande diferença no mundo de alguém!

Quem estreia este bate-papo é a simpática e divertida Kalinka Carvalho, que também adora entrevistar os profissionais de organização e outros empreendedores que são pura inspiração. Hoje será a vez dela responder minhas questões, bem no estilo "de frente com Edel", como ela mesma brincou. Espero que gostem da série, vamos conhecer nossa convidada?


Bate-papo com a Personal Organizer Kalinka Carvalho



Kalinka Carvalho
Breve Currículo
Kalinka Carvalho é consultora em organização. É Formada em Publicidade e Propaganda e tem MBA na área de Marketing. Trabalhou durante onze anos na área de eventos. Conhecida por ser extremamente organizada, resolveu se especializar e em 2010 se tornou personal organizer. É associada a ANPOP – Associação Nacional de Profissionais de Organização e Produtividade. Já escreveu para os blogs: Papo Universitário, Dicas Profissionais e Seja Bixo dando dicas de organização para estudantes e profissionais. É colunista do Blog da Māe Coruja dando dicas de organização para mães e também tem seu próprio blog Kalinka Carvalho, onde dá dicas de organização pessoal, residências e eventos, além de disponibilizar gratuitamente listas e checklists para downloads. Seu principal objetivo é ajudar as pessoas a se organizarem tornando sua vida mais prática.


Nome: Kalinka Carvalho

Site ou Blog: www.kalinkacarvalho.com.br

Formação Acadêmica: Bacharel em Publicidade e Propaganda

Especialização: MBA em Marketing

Local onde reside: Estados Unidos.

1. Como você descreve os benefícios da organização na sua vida?

A organização tem seis benefícios principais:
a) economia de dinheiro, pois você evita de comprar coisas repetidas e desperdiçar;
b) otimização do tempo, pois sendo organizado, você não perde tempo procurando coisas;
c) te ajuda a identificar as prioridades, pois conseguimos ter nossas metas e objetivos claros e definidos;
d) melhora a autoestima, pois você encontra tempo para cuidar de si mesmo (lazer, tempo com a família, cuidados pessoais);
e) conseguimos ser mais produtivos e menos estressados;
f) equilíbrio e controle da vida, pois você identifica o que acontece em sua vida e consegue ter o controle dela.

2. Desde quando é apaixonada (o) por organização e há quanto tempo é "oficialmente" Personal Organizer? Onde fez o curso de Personal Organizer?


Eu sempre fui uma pessoa organizada. A organização sempre foi um hobby para mim, adorava organizar as coisas para relaxar (hehehe). Em 2010 fiz o curso de personal organizer na OZ – Organize sua vida, e de lá para cá tenho feito outros cursos para me aprimorar.

3. Qual sua principal área de atuação - serviços de organização presencial, consultoria, palestras, workshops, cursos, ou ainda outra?

Já prestei serviços de organização. Atualmente sou consultora e palestrante e tenho o blog onde dou dicas de organização pessoal, residencial e eventos.

4. Qual tipo de arquivo ou móvel possui em casa para organizar a papelada?

Pasta sanfonada e gosto de usar as cores para diferenciar os arquivos. Exemplo: pasta vermelha – banco, pasta verde – contas de gás, pasta azul – contas de internet, TV e telefone.

5. Como é o seu home office? Pode nos mostrar uma foto do seu cantinho, especialmente da sua mesa de trabalho e cadeira que utiliza?

Organizado! (hehehe). Segue a foto do meu cantinho que tirei em fevereiro 2015. Eu mesmo fiz o calendário e ensinei no meu blog a fazer e todo mês eu atualizo. Tenho uma cadeira confortável com encosto e braços, um calendário onde agendo os posts e compromissos, a impressora, um quadro de inspiração, um porta-canetas e lápis de cor que fiz com latinhas de achocolatado que também ensinei a fazer no blog.

Home Office Personal Organizer Kalinka Carvalho

Home Office Personal Organizer Kalinka Carvalho


6. Você aplica o GTD no gerenciamento de informações, rotinas e tarefas? Se não aplica, utiliza outro método?

Uso GTD, pomodoro, flylady sempre adaptando ao meu estilo.

7. Que tipo de agenda e gerenciador de tarefas utiliza, físico ou eletrônico?

Físico e eletrônico. Tenho uma agenda de papel, pois adoro usar canetas coloridas e adesivos e tenho a agenda do celular compartilhada com o meu marido.

8. Qual seu livro de organização preferido?

Vida Organizada – Thais Godinho, ela é referência!

9. Qual produto organizador você não saberia viver sem?

Agenda! Ela é tipo amiga para todas as horas. Para organizar gosto muito de colmeias organizadores e caixas.

10. Que dica de organização você considera a mais essencial para sua vida?


Organização é um processo, você não se torna organizado de um hora para a outra primeiro você precisa encontrar as melhores ferramentas, testá-las para depois conseguir se organizar. Organização é vida!

20 de julho de 2015

Atitude # 20 - Dê atenção aos primeiros sinais de alerta.



Atitude # 20 - Dê atenção aos primeiros sinais de alerta.


Praticar o cuidado pessoal total significa cuidar radicalmente bem de você. Porque para você conviver em harmonia com os outros, precisa estar bem de bem consigo mesmo!

Ficar atento aos sinais de alerta são aquelas situações que você pressente que são sinais de problemas. Quando você começa a deixar de cuidar de você em primeiro lugar. Para isso que tal criar seu kit de primeiros - socorros em cuidado pessoal? O que você faz para voltar ao seu centro?

Pede ajuda, reavalia suas prioridades, identifica suas distrações, redireciona o foco, recorre a um livro, escuta música, sai a caminhar por aí, lê um livro, tira uma soneca?

Identifique os sinais que indicam problemas e monte seu kit SOS em cuidado pessoal! Porque como Cheryl escreve, uma vida de qualidade começa com um você de qualidade. Ela sabe das coisas!

17 de julho de 2015

A partir deste ano festa infantil em dose dupla por aqui...

Se tem uma coisa pela qual me apaixonei desde que me tornei mamãe, foi organizar festinhas para os pequenos, e agora ainda em dose dupla no ano! Uma em agosto e a outra em dezembro, uma no inverno e outra no verão, bem diplomático, não? O maior já faz suas escolhas e define seus "temas", o pequeno ainda aceita o que a mãe propõe.

Este ano comecei a pensar cedo no que fazer, e os planos estão bem encaminhados, até porque quanto mais simples, melhor. Inclusive acho que em 2015 vou me superar no quesito simplicidade em festas infantis. Minha inspiração começou quando assisti o vídeo da Erika Karpuk organizando a festinha dos gêmeos, com a ajuda deles, uma graça só!




O "tema" das festinhas será meios de transporte, do Miguel - Carros e do Guilherme - Trem Thomas, definido por ele, como já escrevi anteriormente. Mas pode deixar que ele vai se virar comigo desta vez, espere chegar mais perto a data, que vamos ter de criar o tal trem (preciso assistir o desenho primeiro pra conhecer mais e me familiarizar com o negócio).

Olha a modernidade do convite do Miguel: marcamos a data e enviei o convite por chat do facebook. Fiz um painel de inspiração no Pinterest (tá pobrinho, pois achei pouca coisa, não dá pra comparar com Mikey's Party), como de costume, o presente post para dar um start e agora começarei a verificar meu check-list de aniversário e tomar as demais providências...

Será uma festinha bemmmm caseira, bem família mesmo, tipo aquela festa que não tem hora pra começar nem acabar, com churrasco pro almoço bem depois do meio dia, e quando se percebe já é hora do parabéns, do bolo e do café, porque ainda estamos envolta da mesa conversando tarde adentro. Que assim seja!

15 de julho de 2015

Resenha do livro As Cinco Linguagens do Amor


Existem acontecimentos que são grandes divisores de águas em nossa vida, e marcam importantes fases. Como é bom quando o milho esquenta na panela e vira pipoca, e não permanece sendo eternamente milho. Assim somos nós com os aprendizados da vida, quando não somente absorvemos os conhecimentos, mas deixamos que eles façam suas devidas transformações através de nossas atitudes. 

A descoberta das Cinco Linguagens do Amor marca um antes e um depois. Um antes egoísta e infantil e um depois de pura entrega e maturidade emocional. É uma leitura imprescindível para quem deseja entender porque alguns casamentos dão certo e outros não.

O segredo é simples, as pessoas entendem o amor de formas diferentes, possuem necessidades emocionais diferentes, e sentem que são amadas por meio das cinco linguagens, a saber: palavras de afirmação, tempo de qualidade, presentes, atos de serviço e toque físico. 

Até me emocionei ao ler ele de novo para resenhá-lo e percebi o quanto eu sou totalmente da linguagem tempo de qualidade. Meu marido é dos atos de serviço. Dentro de cada linguagem ainda existem dialetos específicos, e se os cônjuges falarem a coisa certa, um reconhecerá no outro o quanto é amado verdadeiramente.

O conselheiro matrimonial Gary Chapman escreve claramente sobre cada uma destas cinco linguagens, trazendo exemplos de casais que estavam prestes a se separarem porque o amor entre eles havia acabado, como é tão normal após alguns anos de casamento. Como ele cita, seus "tanques emocionais" estavam vazios. Não há entendimento se um fala francês e outro italiano. No amor também é assim, e a gente se vê em cada palavra e exemplo por ele comentado. 

Para que os casamentos deem certo, os tanques do amor precisam estar cheios, transbordando, o que só acontece quando conhecemos e decidimos falar a linguagem certa do nosso parceiro. Segundo Chapman aquilo que mais criticamos e nos incomoda no relacionamento, são atitudes que de certa forma estão ligadas a nossa primeira linguagem do amor.

Amor é uma escolha. O amor é uma decisão. O amor faz milagres. A paixão é egoísta e passageira, quando descemos das nuvens num relacionamento, não temos consciência do que é o amor, ou confundimos as duas coisas, achamos que o mundo perdeu o brilho e o significado. Amar dá trabalho, mas também é o amor que gera os melhores resultados. 

Não é do amor romântico que escrevo, aquela coisa melosa, sentimental e ilusória. Há uma grande diferença entre paixão e necessidade emocional de sentir-se amado, e muitas pessoas em geral, até mesmo aquelas que pensam saber claramente a diferença, não o sabem. Todos os casais deveriam ler este livro, escolher apaixonar-se pelo amor, viver o amor, e mudar suas vidas pelo amor. Se isto não é viver intensamente, então, alguém me explique por favor, o que é.

Confira mais informações sobre o livro aqui.

13 de julho de 2015

Atitude # 19 - Dê uma pausa para a espontaniedade.



Atitude # 19 - Dê uma pausa para a espontaneidade.


Você passa o tempo vivendo em função do relógio, dos compromissos agendados, fazendo o que precisa ser feito? Não consegue parar um momento, e pensar no que quer fazer, não no que tem de fazer? Crie espaço para viver o momento, saindo da rotina às vezes! Pode parecer contraditório escrever isso num blog que prega qualidade de vida através da organização, só que vale lembrar: planejar momentos de tempo livre também faz parte, e tem sua importância! Citando Cheryl...

Como seres criativos, precisamos de períodos de tempo para viver espontaneamente sem compromissos nem confusões.


10 de julho de 2015

Contando um pouco sobre nosso passeio no Paraguay

Moro aqui do lado do Paraguay há mais de 1 ano, mas por circunstâncias da vida ainda não havia desejado conhecer nada por lá. Já havia ido a Ciudad del Este há anos atrás, mas não me agradou nada aquele passeio, pensei que jamais voltaria. Também não queria gastar, pra que me colocar em tentação, pra que... tentei segurar meu marido até pouco tempo atrás, quando então finalmente fomos para Salto del Guairá. No post de hoje quero mostrar um pouco do que vi e descobri por lá, sem dicas de compras ou coisa parecida.

É outro lado do Paraguai, totalmente diferente do que conhecia. Bem, já se fazem alguns anos, será que lá mudou também? Salto del Guairá não se compara a uma capital de um estado brasileiro ou grande cidade, mas as lojas dos shoppings são de alto nível também. Alguém me disse, "é como se você estivesse numa Havan, só que com muito mais opções". No meu ponto de vista não dá pra comparar também, pois depende muito do que você procura numa loja de departamentos, e a Havan tem, realmente, de tudo no Brasil. Não é bem assim por lá, nos shoppings até tem de tudo, mas os preços também são bem diferentes, assim como as formas de pagamento, a qualidade das marcas, entre outros fatores.

Conheci a Bless Import e quase pirei quando encontrei minha cadeira Panton preta em promoção por $70, menos da metade do valor que pagaria no Brasil. Nem quis ver mais cadeiras, foquei naquela e no valor mais ainda. Por mim poderia ficar só por ali mesmo, pois havia muita coisa linda de casa e decoração para apreciar! 

A viagem já valeu por causa disso, então adivinhem o que eu procurava enquanto passeávamos nos shoppings e meu marido pesquisava o preço das coisas que pretendia comprar? Produtos organizadores, coisas para casa e decoração, só utilidades, além de itens ligados a música, claro! Compartilho algumas imagens com vocês do que encontrei de organização e coisas legais para casa por lá.

Bless Import


Cadeira Panton, ela é tudo de bom!


Objetos Decorativos

Objetos decorativos

Muuuuuuitas cadeiras lindas!

Itens de office - apaixonei!

Itens de Cozinha

Shopping China



Potes para mantimentos

Cabides de madeira

Shopping Mapy


Porta trecos de acrílico - para maquiagem, esmaltes, etc e tal

Shopping Maringá - loja Shopping Hill


Papel de parede

Caixas Organizadoras, achei!!!!!!!!!!!

Caixa Organizadora com rodinhas - a Ordene deveria criar uma destas!

Para organizar gavetas

Caixas!

8 de julho de 2015

Casa COR São Paulo 2015



Estive recentemente na Casa Cor São Paulo 2015, e a seguir deixarei algumas impressões pessoais sobre uma das Mostras de Decoração mais famosa das Américas. O desafio que me coloco ao visitar uma Casa Cor sempre é como dá pra traduzir isso pra uma realidade mais simples? Como ser criativa e encontrar soluções semelhantes ou mais acessíveis? Além disso também questiono se as tendências do morar e da decoração dos ambientes estão coerentes com a realidade atual, de pequenos espaços nos apartamentos, primando pela organização, funcionalidade e integração.

Cada um olha e pode enxergar uma coisa diferente, ou seja, o que pode ser lindo para mim é ridículo para você. Observei especialmente as escrivaninhas, os cantos de trabalho e estudo, estantes com livros. Também fiquei de olho nas cozinhas, especialmente as prateleiras e armários abertos, e a decoração de quadros nas paredes, haviam paredes com quadros de cima a baixo! Sem mais comentários, as legendas falarão tudo. O que é up e down? Deixo pra você mesmo avaliar, pois como disse, temos diferentes pontos de vista!

Espaço que mais admirei, cozinha com tudo ali, perto da área de trabalho.
Cantinho do Café
Forma de composição dos quadros
Avisos na parede com suporte diferente
Horta Vertical
Tapeçaria!
Jardim, diversas qualidades de plantas, mas plantadas em grupos semelhantes
Estrutura diferente separando os espaços
Para qualidade do vinho não é o ideal, mas me chamou a atenção o suporte.
Mesa com cavaletes, papel de parede que parece contact!
Estante daquelas antiguinhas.
Paredes com muitos quadros, do piso ao teto!
Estante simples, com estrutura de ferro e madeira, com tudo a mostra.
Escrivaninha no quarto, uma tendência?
Cadeira inusitada.
Que tal uma divisória improvisada com cordas? Parece mas não é.
"Criado-mudo" diferente, com cara totalmente retrô.
Artesanato, finalmente! Dá vida aos ambientes.
Horta minúscula, mas bem organizadinha.
Escrivaninha na sala, sempre tem lugar para ela.
Amei este móvel para cozinha. Sou dos móveis abertos, deu pra sacar, né?
Ideia, ideia! A sala de discos não estava muito organizada, mas esta dekor na parede dá pra copiar legal, hein? Amei!
Quarto de bebê com tema sáfari: dekor temática para tão pouco tempo, não vejo como um bom investimento...
Galhos secos, particularmente acho legal, mas...
Acho legal que não precisa cuidar, rs...
Mesa de madeira de demolição com cadeiras super chiques a volta...
Livros, muitos cantos de leitura - AMEI todos eles!
Totalmente aplicável, cantinho para os livros dos pequenos.
Acho que faltou dar uma organizadinha aqui...
Há quem ame, e quem odeie, esse fazer mais com menos não tá meio exagerado? Detalhe da madeira, se for cupim...
Mesa na taberna de vinhos, o ambiente foi muito bem retratado. Só era bastante carregado.

Mais uma da Taberna de Vinhos, muitos objetos em cima dos armários...
Closet diferente, com estrutura de ferro.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? COMPARTILHE!