31 de julho de 2014

Como organizar um Chá de Fraldas?

Realizar um Chá de Fraldas é uma oportunidade de reunir as amigas e pessoas especiais para você, e curtirem uma tarde divertida de risadas e brincadeiras. Geralmente acontece durante o 8º mês de gestação e se diferencia do Chá de Bebê pelos presentes que são dados: somente fraldas. Se você preferir comprar montar pessoalmente o enxoval do seu bebê, ou já possui muitos itens do seu primeiro bebê, que pretende reutilizar, então uma boa alternativa é realizar o Chá de Fraldas.


Como organizar um Chá de Fraldas?

 

O que brincar no dia do Chá de Fraldas?


Caderno de Recados


A ideia do Caderno de Recados é registrar os desejos de cada convidada para seu bebê e sua família. Pode ser utilizado um caderno, o caderno do bebê (se houver espaço), cartões coloridos para guardar numa caixinha, ou simplesmente escrever em folhas A4 que depois você pode arquivar junto com o álbum ou as coisinhas do bebê.

Lista de Presenças


É legal guardar junto com a Lista de Recados, para lembrar das amigas queridas que fizeram parte deste momento especial.

Chupeta escondida


Esconder uma chupeta em algum lugar e falar para os convidados procurarem. Quem achar ganha um brinde.

Palavra proibida


Cada convidada ganha um colar ou uma pulseira de cetim, para usar durante o evento. A mamãe determina uma palavra proibida (pode ser bebê, ou o nome do bebê ou da grávida mesmo). Durante o Chá de Fraldas, a pessoa que disser a palavra proibida deverá passar o colar ou a pulseira para outra pessoa (aquela que flagrou a cena). A ganhadora do prêmio será aquela que tiver mais colares ou pulseiras ao término do evento.

Baby Bingo


Leia mais sobre esta brincadeira no post Brinque de Baby Bingo no seu Chá de Fraldas, onde explico como jogar, que materiais são necessários e onde disponibilizei inclusive cartelas para utilizar, basta imprimi-las!

O que servir no Chá de Fraldas?


O cardápio varia de acordo com o gosto de cada mamãe, pode ser o mesmo que você serviria numa festinha de aniversário. Salgadinhos, sanduíches, pães e torradas com patês salgados e/ou doces, docinhos, bolos, cupcakes, refrigerante, sucos, chás. É uma escolha bem pessoal, pode até solicitar a cada convidada para trazer um prato doce ou salgado, assim o chá fica bem diversificado, com as delícias que cada uma gosta e sabe fazer bem.

Como decorar o Chá de Fraldas?


Criei um vídeo vapt-vupt com 8 dicas para organizar um Chá de Fraldas, onde você poderá conferir dicas e ideias de decoração que utilizei para o Chá de Fraldas do Miguel.

Também fiz um tutorial escrito sobre Como fazer um Bolo de Fraldas em 3 passos, para você aprender a fazê-lo também!

Que este momento seja também muito especial para você e seu bebê, aguardado com tanto amor e carinho!

30 de julho de 2014

Brinque de Baby Bingo no seu Chá de Fraldas!

Uma das brincadeiras mais divertidas para fazer no Chá de Fraldas é o Baby Bingo! Semelhante ao bingo tradicional, só que ao invés de números, as cartelas conterão palavras relacionadas ao mundo do bebê. Ideias não faltam para colocar em prática esta brincadeira, você encontrará diferentes formas, materiais e regras de como jogar, pesquise e defina como funcionará o seu!

Brinque de Baby Bingo no seu Chá de Fraldas!

Como jogar?

  1. Cada convidada recebe uma cartela para jogar (é preciso providenciar também canetas para riscar as palavras).
  2. A mamãe começa a tirar os papeizinhos que devem estar recortados dentro de numa caixinha ou cestinho, e fala em voz alta a palavra sorteada.
  3. A mamãe marca a palavra na cartela geral e cada convidada marca na sua cartela, se houver a palavra sorteada.
  4. Quem completar a cartela primeiro deve gritar “bingo!”, e ganha um prêmio. Minha sugestão é fazer por linhas horizontais ou verticais, em vez de fechar a cartela inteira, pois assim aos poucos as convidadas completam o bingo. Se você combinar que é bingo somente a cartela inteira, então deve criar regrinhas de ordem para escolha do prêmio, pois se vierem 4 convidadas que fecharam a cartela, dê um número para cada uma e a que tirar o 1 será a primeira a escolher seu prêmio, e assim por diante.
  5. A brincadeira e encerra ao terminarem todos os prêmios.

 

Que materiais são necessários?

  • Canetas
  • Cartelas do bingo
  • Cartela geral e palavras recortadas para sortear
  • Brindes para as ganhadoras

Cartelas para o Baby Bingo 


Clique nos links abaixo para fazer o download do Kit Baby Bingo!



Que mamães e convidadas(os) divirtam-se muito no seu Chá de Fraldas com o Baby Bingo!

Ah!, na tag O Quarto do Meu Bebê! você pode conferir diversas dicas de como me organizei com a chegada dos meus 2 bebês, desde coisinhas do enxoval até o quarto do bebê e muito mais! Não vá embora sem também conhecer essas e outras dicas desta Mamãe Organizada aqui, que espera mesmo, muito, te inspirar a viver melhor, com mais qualidade de vida, e mais organização! Se eu consegui e consigo, você também consegue! 💛


29 de julho de 2014

Como fazer um Bolo de Fraldas em 3 passos

Ao montarmos o Bolo de Fraldas do Miguel, na pressa e no improviso com o que tinha em casa, acabei não registrando as etapas para fazer um tutorial ilustrado, pois minha amiga Vanessa e eu estávamos literalmente com a mão na massa! Tenho certeza que olhando as fotos e lendo os 3 passos a seguir você terá uma ideia clara de como imitar este modelo. Mãos a obra!

Bolo de Fraldas


Bolo de Fraldas no chá de fraldas do Miguel

 

Passo 1 - Faça a base do bolo:

Coloque as fraldas dentro de um recipiente redondo (pode ser uma forma de bolo, uma tigela, do tamanho que você quiser que fique a base dele), na forma de caracol, em volta de um cone de papel toalha (para este da foto utilizamos um recipiente de batata frita, com tampa, assim utilizamos menos fraldas). Depois que as fraldas estiverem certinhas como você deseja, amarre um elástico em volta delas, para permanecer neste formato.

Passo 2 - Monte a "segunda camada":

É interessante fazer isto com a ajuda de outra pessoa, pois enquanto que uma coloca as fraldas, e as encaixa na forma de caracol, a outra coloca o elástico em volta, facilitará muito! É mais legal utilizar o mesmo tipo de fraldas, se não ficará como o da foto, com cores diferentes, pois um pacote era P e o outro RN!

Passo 3 - Incremente o bolo de fraldas:

Pronto! Com a base e a "segunda camada" prontos, agora é só por a criatividade pra funcionar e decorar o Bolo de Fraldas com fitas, botões, papel, tecidos, coisinhas do bebê, você é quem escolhe!

Simples assim! Gostou da dica? Então compartilhe com suas amigas gestantes!

26 de julho de 2014

8 dicas para organizar um Chá de Fraldas

Recentemente organizei o Chá de Fraldas do Miguel, e preparei um vídeo com 8 dicas que considerei bem legais para compartilhar com vocês. Este é o primeiro vídeo no canal   Transformando Espaços, espero que vocês gostem!


8 dicas para organizar um Chá de Fraldas

24 de julho de 2014

Mesa Quadro Picture: mesa que se transforma em quadro

Uma versátil mesa que se transforma em quadro-negro ou vice-versa, na cozinha, no home office, no quarto, ou onde você preferir! Adoro soluções inteligentes e criativas como esta da MMM (Meu Móvel de Madeira! A mesa depois de usada pode ser fechada prendendo seu tampo nos ganchos instalados na parede, e suas pernas são guardadas e encaixadas na laterais, ficando coladas no velcro e se transformando num prático quadro-negro para anotações do dia a dia! Veja o vídeo da transformação da Mesa Quadro Picture, só na MMM!

Mesa Quadro Picture: mesa que se transforma em quadro

Mesa Quadro Picture: mesa que se transforma em quadro

Mesa Quadro Picture: mesa que se transforma em quadro
   



PS: O blog Transformando Espaços participa do Programa de Afiliados da Meu Móvel de Madeira

22 de julho de 2014

Móbiles Artesanais para Quarto de Bebê

Quando engravidei pela primeira vez, preocupei-me bastante em como organizar a chegada do bebê em casa. Como preparar o espaço dele, o que comprar pro enxoval dele e o meu também, entre outras mil e tantas coisas. Fiz bordados, quadrinhos e outras frescuras de mãe de primeira viagem, até consegui manter um diário mensal da gravidez!

Planejei o quarto nos mínimos detalhes, só que ele teve muitas versões nos primeiros 2 anos, pois volta e meia mexia e remexia no ambiente. Logo que o Guilherme nasceu, teve a primeira versão "oficial", depois de 6 meses a segunda, depois a terceira, e assim foi até o berço sair de cena e entrar em ação a quarta versão. Depois perdia conta, e nem registrei mais nada por aqui!

Sei que renovar é muito bom, mas francamente, naquela época eu renovava demais, sempre com as mesmas coisas (minha marca registrada!). Chegou uma hora que parei, pois percebi que não tinha mais sentido ficar fazendo posts do quarto do bebê, virando menino.

Quando engravidei novamente, logo planejei que me estressaria menos com detalhes, e que reaproveitaria mais (ainda mais do que da primeira vez!). Foi bem assim, só que cometi umas extravagâncias, pois o Miguel também merece uns mimos legais, você não acham?

Como durante a gestação encaramos uma grande mudança de cidade, desestressei totalmente, pois precisava conhecer o novo ambiente onde faríamos o quartinho dos meninos para planejar qualquer coisa. Foquei inicialmente no enxoval, pois o Miguel nascerá em agosto, mês geralmente que faz bastante frio, não no verão, como o Guilherme. Comprei algumas coisinhas a mais no quesito vestuário de bebê, mas muita coisa será reaproveitado do irmão. Também uma banheira (pois o Gui conseguiu quebrar a dele), um berço (pois o que o Gui usou era emprestado), um mosquiteiro (pois o Gui também rasgou todo ele quando conseguiu se parar de pé no berço), e acho que foi só...

Que nada, hoje mostrarei duas coisinhas lindas que a Vanessa Oliveira do Costurando Nuvens fez com muito carinho para o Miguel, e que chegaram ontem aqui em casa: um mobile de berço e um mobile de cortina, com o tema nuvens, amei demais! Delicado, feito a mão, lindo! Conheci o trabalho dela por indicação de uma amiga, e super amei!

Continuarei contando mais sobre os preparativos para a chegada do Miguel, acompanhem as atualizações pela fanpage, pelo twitter, pelo google + ou pelo feed do blog!

Mobile de Berço




Mobile de Cortina  

21 de julho de 2014

Como organizei os assuntos do blog

Já faz um bom tempo que venho reorganizando os assuntos do blog por categorias, mas ainda não havia conseguido configurar o menu como desejava. Recentemente consegui, e acabei não fazendo nenhum post explicativo, muita coisa pra fazer antes da chegada do Miguel minha gente! Enfim, daqui pra frente pretendo seguir mais aquela regra do "antes feito que perfeito", pois senão as coisas acabam não acontecendo. E aí, o que acharam das mudancinhas? Ficou mais fácil de localizar os assuntos? Espero que a resposta seja sim! Comentem, para que o blog possa melhorar continuamente!

 

Menu Superior


No menu superior separei os grandes temas/categorias do blog, e alguns ainda sobre os quais pretendo escrever mais. Depois de pensar e repensar, acho que cheguei nos termos certos e na categorização ideal, mantendo o foco do blog, essencialmente sobre organização.


Organização

  • Organize-se hoje!
  • Ideias & Soluções
  • Produtos Organizadores
  • Viva o Verde
  • Bons Hábitos
  • Organização Profissional

Organizando a vida

  • Pessoal
  • Relacionamentos
  • Lazer
  • Datas Especiais
  • Coisas da Vida

Organizando a Casa & o Trabalho 

(Integrei os marcadores/tags Organizando a Casa e Organizando o Trabalho, pois as subcategorias que escolhi eram semelhantes, e os assuntos são aplicáveis a ambos.)
  • Ambientes
  • Coleções
  • Arquivos Físicos&Digitais
  • Registros&Documentos
  • Rotinas&Tarefas
  • Mudanças

Assuntos Afins

  • Design de Interiores
  • Decoração
  • Meus Espaços
  • 52 objetos
  • Matérias Publicadas
  • Entrevistas
  • Recomendo

 

Marcadores/ Tags


Os marcadores continuarão do lado, para quem prefere escolher pela tag específica. Dependendo do assunto é mais prático, utilizo bastante.

18 de julho de 2014

Uma reflexão sobre amizades verdadeiras

Amizade tem suas fases de conhecimento, amadurecimento, distanciamento, de se encontrar mais, de se encontrar menos, não necessariamente nessa ordem.

A gente DESAPEGA de coisas e não de pessoas. A gente DESCARTA coisas, não pessoas. Você já parou para pensar nisso? Não é pelo fato de não estarmos mais tão juntos como em outras épocas que precisamos desapegar das pessoas que foram importantes para nós em algum momento da vida.

A vida muda, as pessoas trocam de endereço, mas a distância hoje em dia não é mais um obstáculo para que uma amizade deixe de existir. Na lembrança pelo menos as pessoas permanecem, e temos a oportunidade de conhecer novos amigos.

No entanto quem são realmente nossos verdadeiros amigos? O tempo é quem nos dará essa resposta. Nem todos são confidentes, íntimos, amigos para sempre. Quando menos se espera eles estão ali, do seu lado, num momento difícil. Ou celebrando com você alguma vitória especial. Ainda existem aqueles que ajudam você sem grandes pretensões num momento crítico, e pelo que fizeram por você, se tornam inesquecíveis.

Não deveríamos colocar tanto peso nos verdadeiros amigos, mas olhar para nós mesmos, e analisar se nós estamos fazendo o papel de verdadeiros amigos de alguém. Amizade que não busca nada em troca, somente ajudar, da forma que for possível, também ouvir, não somente aconselhar.

Infelizmente muitas amizades esfriam quando verdades são ditas, em amor, e aparentemente compreendidas. Pelo menos ao falar com amor, não pecamos por omissão. Como certa vez me disse alguém: "Dois bicudos não se bicam!'. Dizer o que precisa ser dito às vezes dói, mas em algum momento fará nosso amigo pensar. Cada pessoa tem o seu tempo de “digerir” certos conselhos, e mudar o que precisa na sua vida. Se quiser, claro, pois cada um é responsável por suas escolhas e decisões.

As pessoas deixam marcas uma na vida das outras, e dependendo da convivência, isto se refletirá por muito tempo, mesmo que os caminhos da vida as levem para diferentes direções. Então seja uma boa influência na vida das pessoas!

Objeto # 21 – Cadeira Formiga


17 de julho de 2014

Conastyle - 1º Congresso Nacional de Estilo - online e gratuito!

Convido você a participar do 1º Conastyle - Congresso Nacional de Estilo, evento 100% online e gratuito! Destaco uma frase da idealizadora do evento, Lilian Jordão, cuja entrevista você pode ler na íntegra no site Costanza Who e conhecer mais sobre o evento, onde ela afirma que

Nossa ideia é, por meio da internet, levar estes assuntos a todas as pessoas que tem a moda como uma paixão, ou que possuem curiosidade em saber como a moda pode melhorar a sua autoestima e no seu modo de se posicionar na vida.


Também estarei por lá, falando sobre Organização de Closets, cujo tema da palestra será Organize seu Closet e viva melhor! Aguardem a programação, que será divulgada nos próximos dias, ficaremos muito felizes com sua participação! Faça logo sua inscrição pelo site do conastyle, pois as vagas são limitadas! Aproveite esta oportunidade!

9 de julho de 2014

Pós-mudança: como foi reorganizar tudo na nova casa

Havia finalizado o post 10 dicas para você organizar uma mudança com a seguinte frase:

“Ao chegar na nova residência, defina o lugar dos móveis e comece a abrir as caixas por ordem de prioridade. Não coloque tudo em qualquer lugar, aproveite esse clima de renovação, e comece a definir o lugar certo de cada coisa! Vá com calma, dedique-se a um cômodo por vez, e bom trabalho!”

Iludida, pensei que ao conhecer os cômodos da casa e saberia exatamente o melhor lugar para os móveis, e com as caixinhas numeradas e identificadas, tudo se resolveria na primeira semana. Só que estava tão exausta e cansada de organizar as caixas, que não tinha logo muito ânimo em desencaixotar elas. 

Eu queria colocar tudo no lugar, mas com o barrigão de 6 meses não poderia ficar carregando as caixas pra lá e pra cá, nem arrastando móveis de lugar, e simplesmente não tinha cabeça pra analisar o melhor lugar para tudo. Precisava da força do maridão nestes momentos, e ele não estava sempre disponível.

Algumas coisas foram bem óbvias, como geladeira, pia, fogão e mesa de jantar, mas muitas foram se definindo no decorrer das primeiras 4 semanas. Não era só organizar a nova casa, havia compras no supermercado a fazer, transferir contas bancárias, consulta médica (novo médico a essa altura da gestação!), e outras providências a tomar, mais importantes que definir o lugar dos quadros na parede, por exemplo.

O mais importante é ter muita calma nessa hora (rs...), pensar e se dedicar num ambiente de cada vez, e ter consciência de que haverão mais tarefas para serem realizadas, não somente “reorganizar a nova casa”. 

Se deu tudo certo com o antes e com a execução da mudança em si, o depois, a organização no novo lar é algo que pode ser feito com mais tempo. Para quem gosta de variar, mudar uma coisinha aqui e outra ali, a reorganização não é algo pontual e estático mas sim algo vivo e permanente!

3 de julho de 2014

5 considerações sobre nossa última mudança

Segui a risca as minhas 10 dicas para você organizar uma mudança em nossa última mudança, e meu testemunho, apesar de ser suspeita pra falar, é de que funcionaram muito bem para mim! Sou organizada, mas esse processo sempre demanda um certo stress em algum momento, por mais bem planejada que seja. Esta foi sem dúvida, a quinta e melhor mudança que fizemos e a mais organizada! Seguem 5 considerações que deixo registradas sobre ela:
  1. Uma tarefa, dentre outras, que ficou para o marido resolver, ele deixou para fazer no dia da mudança: mudar a titularidade da conta de luz. Eu deixei algumas pastas do home office para colocar na caixa também somente no dia da mudança, pois vai que precisássemos de alguma coisa (a bendita conta de luz estava entre elas mas eu nem imaginava que não estivesse tudo resolvido aquela altura dos acontecimentos!). A equipe da mudança acabou encaixotando o que havia restado no home office, e lá teve o marido que correr atrás de uma segunda via da conta de telefone. Esse lance de finalizar o encaixotamento de itens no dia da mudança é meio perigoso, pode gerar alguns imprevistos, como esse. A identificação delas também fica comprometida, se você quiser seguir uma padronização só sua. No final acabou dando tudo certo.
  2. A equipe da empresa que fez a mudança foi muito profissional e cuidadosa com tudo, só elogios (Costa Oeste Mudanças)! Forneceram com mais de 1 mês de antecedência caixas de papelão em dois tamanhos, uma menor para louças e livros e outras maiores para itens não tão frágeis. Assim deu para encaixotar quase 90% dos pertences antes do dia da mudança. Separei dois cômodos da casa (o quarto do filhote no piso superior e uma sala no piso inferior) para ir colocando as caixas fechadas e identificadas, e assim fui esvaziando os itens dos outros ambientes.
  3. Já estava desapegando de muitas coisas, e separando itens para descarte, doação e venda. Isso facilitou muito, pois ajudamos outras pessoas, e algumas vendas ainda nos renderam um dimdim!
  4. Como só encaixotar coisas também é algo que cansa (se você tem dúvidas disso é porque nunca fez uma mudança com 115 caixas), junto com esse processo fiz um inventário de bens, com tudo o que temos, e o ambiente no qual iriam ficar na nova residência. Foi interessante, algo que nunca fiz, mas me ajudou a descansar e desacelerar um pouco em meio aquela correria toda.
  5. Ao chegarmos na nova morada tivemos um mega apoio dos novos amigos para organizar tudo em casa, e isso foi fundamental para agilizar a organização de tudo, especialmente cozinha e quartos, que são os ambientes nos quais precisamos ter logo tudo em ordem. No fim do dia já conseguimos fazer um lanchinho na cozinha e a cama no quarto estava pronta para descansarmos.
Como foi organizar a nova casa? Ah, isto é história para outro post!

2 de julho de 2014

Molde simples para criar letras na decoração!

Guardei este "esquema" aí da época da escola, imagine só! Não sei se ele tem algum outro nome, e em qual aula de Artes que aprendemos a usar esse quadriculado para formar todas as letras do alfabeto. 

Ontem, ao fazer a palavra LOVE em EVA para o meu mural, utilizei o meu minúsculo "esquema" que achei no meio da pastinha de artesanato. Nada a ver com organização, mas dá pra incrementar legal um painel, um mural, ou seja lá o que for, ao utilizar letras na decoração. Então, de certa forma ele pode ser útil e ter alguma coisa a acrescentar, só desenhar os quadrados no tamanho que desejar!

Que tal a ideia?!



1 de julho de 2014

Onde foi parar a minha divisória de pallets?

Era uma vez uma divisória com pallets, usada para separar a área de trabalho da cozinha da entrada e sala de estar/TV. Ele está entre um dos posts mais acessados do blog, se você digitar no Google divisória de pallets, esse ele aparece na primeira página, quando o escrevi não pensei que teria tantos acessos! Só que minha divisória com pallets neste espaço já era, pois nos mudamos recentemente, e na nova casa, pensei, “onde será que os colocaremos”? Depois de não muito pensar, ele veio parar atrás da minha mesa no home office, servindo como mural. O que acharam? Eu amei!

O que coloquei nele:
  • fotos da família (o baby é meu afilhadinho Victor Henrique, e o espaço em branco aguarda a fotinho do Miguel!), 
  • frases que já compartilhei na fanpage do blog, 
  • dois quadrinhos do Keep Calm, que fiz naquela ferramenta online que já divulguei aqui no blog neste post,
  • detalhes que fiz com EVA (notinhas musicais, corações e LOVE) e colei com cola branca,
  • lembrancinhas que ganhei,
  • alguns prendedores deixei sem nada, todos foram colados com fita dupla face.

 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? COMPARTILHE!